5 motivos pra fazer um sabático
Dicas

5 motivos pra fazer um sabático

Vou começar este texto reconhecendo que falo de uma posição privilegiada. Os 5 motivos para fazer um sabático que trago aqui são compatilhadas por muitas pessoas, porém são poucas as que podem fazer um sabático.

Da minha experiência, muita gente não faz um sabático por falta de dinheiro, falta de coragem – ou os dois.  Pra ajudar na falta de dinheiro você pode ler esse post: Como viajar bem e barato pelo mundo.

Aqui vou abordar a falta de coragem! Vamos lá meu jovem, avante!

1. Você está de saco cheio do trabalho

A minha geração vive insatisfeita com a vida profissional, em parte eu acho que isso é culpa nossa, que tem expectativas irrealistas quanto ao trabalho. Mas as empresas também tem lá sua parcela de responsabilidade.

Hoje exige-se muito das pessoas, que se doem, vistam a camisa, estejam conectadas 24×7 e que a carreira e vida profissional seja a prioridade número 1. Acredito que se houvesse um equilíbrio maior entre trabalho e vida pessoal, ia ter bem menos gente querendo largar tudo.

A maioria das pessoas da minha idade (trinta e tantos) achava que ia ser gerente aos 26 anos (pelo menos eu achava no auge dos meus 22), ganhar rios de dinheiro, ter muito sucesso, fechar negócios, tudo isso no salto Louboutin.

Quando se depara com a realidade, fica frustrado. Não entende que não tem glamour no mundo corporativo, é muito suor e dedicação pra receber tapinha nas costas e aquele papinho “você tem muito potencial”.

Eu sou uma dessas realistas, que depois de superar essa ingenuidade, aceito que vou ao trabalho, faço meu melhor sempre, trabalho duro, levanto e vou embora. Busco viver minha vida feliz fora do ambiente corporativo. Paciência zero pra happy hour pra bajular gerentes, diretores, clientes… Reservo meu tempo e carinho pra família e amigos.

Até aí tudo bem. O duro é quando você se depara com um trabalho que te suga, que te traz infelicidade e te põe tão pra baixo que você simplesmente não consegue relevar mais.

Se você se encontra assim, coragem!

Essa foi a situação com a qual nos deparamos em casa. Já não dava mais pra sustentar aquela situação, melhor sair antes de ficar rancoroso. Arrancamos como um band-aid. Demissão! Não foi uma decisão fácil. Trocar o estável e previsível por uma grande incerteza, o que faremos depois? Foi um passo de fé e coragem. Então lá vamos nós, realizar um sonho antigo e viver um dia de cada vez.

Photo by ROOM on Unsplash

2. Realizar um sonho

Quem é que não sonha em chutar o pau da barraca e sair viajando?! Todo mundo, né?

Pois então, tirei o sonho da gaveta e disse: porque não?! E posso confirmar que ir riscando os sonhos e desejos da lista é muito bom.

3. Precisa de inspiração

Quem se acomoda com a vida fica chato. Fato.

Tem que conhecer gente diferente, ver coisas novas, provar comidas esquisitas, conversar com crianças, jovens, velhos… ouvir histórias de vida, conhecer novos negócios, aprender sobre novas culturas e por aí vai.

Ninguém precisa fazer um sabático pra viver assim, mas quando você larga tudo pra viajar, você se abre pra novas descobertas e deixa a sua curiosidade despertar.

Sabe quando dizem que as melhores idéias são sempre as mais óbvias?

4. Ganhar tempo

Um dos ganhos de fazer um sabático é ter mais tempo para dedicar às atividades que você realmente gosta. Estou falando de atividades criativas.

É preciso ter disciplina para simplesmente não fazer nada no sabático e apenas turistar. São coisas diferentes. Ter tempo para ler, aprender um hobby novo, estudar e investir em crescimento intelectual é muito importante.

Às vezes na correria do dia a dia não investimos em nós mesmos. A vida se resume a uma rotina tão puxada que não temos lá muito tempo e energia para investir em nosso intelecto, saúde ou espírito. Quando você de repente pára, automaticamente ganha esse tempo.

Use-o a seu favor, invista em você.

5. Quer crescer e amadurecer

Se você teve coragem de encarar todos os pontos anteriores, algo acontecerá com toda certeza: Você vai crescer e amadurecer. Não tem como passar por um processo tão disruptivo, tão contra a maré e não sair mudado.

E a vida é esse eterno processo de dar dois passos pra frente, um pra trás, mais alguns pra frente e assim vamos. Todos juntos buscando melhorar como pessoas sempre.

E então, te convenci a arrancar o band-aid também? Joga essa muleta fora e bora se lançar!
Depois volta aqui e me conta.

Leia esses outros posts pra te inspirar:

5 maneiras que ser mãe mudou meu jeito de viajar
7 dicas para tirar lindas fotos de viagem com o celular
Seguro de Viagem Internacional – vale a pena?
10 dicas para viajar de avião com bebê
Sua saúde e farmácia de viagem
15 dicas para uma viagem segura e saudável
Como tirar sua Permissão Internacional para Dirigir (PID
7 dicas importantes sobre seus documentos antes de viajar

 

~ Se Lança ~

Deixe uma resposta