7 dicas para tirar lindas fotos de viagem com o celular
Dicas

7 dicas para tirar lindas fotos de viagem com o celular

Qual a primeira coisa que você vê quando seu celular cai no chão?
Eu vou direto e abro a câmera para ver se aconteceu alguma coisa. Senhor da Glória, pode lascar a lateral toda, quebrar a tela, mas não quebre minha câmera!

Não é a toa que todos os anos, a câmera do ‘Iphone’ é a número 1 no ranking do Flickr, aquela comunidade de fotos que ficou meio de lado após a chegada do Instagram no mercado, sabe?

Do viajante ao fotografo profissional, não há quem viaje e não faça fotos com o celular.

Pra gente que viaja, o fato dos smartphones terem cada vez mais recursos fotográficos é importantíssimo para podermos viajar cada vez mais leves e falo isso não só em relação a mala, mas também no turismê do dia a dia.
Você já ficou o dia todo turistando carregando uma reflex no pescoço? Pelo amor…

Mas será que é possível tirar lindas fotos de viagem com o celular?

Mais do que um bom equipamento, o seu olhar é quem vai garantir uma boa foto, por isso, esse post aqui vai te dar dicas que mesclam uns toques técnicos com uns mais estéticos, para que você tire lindas fotos de viagem com o celular que tiver.

| 1. O CELULAR |

Começando pelo óbvio, quanto mais moderno for o seu smartphone, melhor serão os recursos de câmera que ele oferecerá. Mas não basta só ter um bom celular, é preciso também:

. Sempre limpar a lente da câmera, pode pegar aquele paninho do seu óculos emprestado pra isso.
. Ajustar as configurações da câmera para máxima resolução.
. Evitar que o telefone esquente. Quando o sensor esquenta, aumenta o ruído e as fotos saem com pior qualidade.
. Saia para passear com o celular em modo avião, a bateria vai durar muito mais tempo.

 

Tirar_Foto_Com_Celular
foto feita com Iphone 7 plus em modo retrato

| 2. SEU OLHAR |

No começo eu sentia uma pressão quando lia a frase – “Fotografia é olhar. Para fotografar bem você precisa primeiro desenvolver o seu olhar…” que dava até vontade de dar uma choradinha.

Eu só pensava: “que olhar, mano?? O que vocês querem dizer com isso? Como eu vou conseguir isso?”

A forma que encontrei (e tô encontrando ainda), de “desenvolver meu olhar” foi/é e recomendo:

. Comece vendo referências: use e abuse de Pinterest e Instagram pra isso. Referências servem para te ajudar a ter uma ideia de como é o local, quais tipos de fotos e ângulos são mais clicados e também a podem te ajudar a ir construindo o tipo de foto que você quer.
. Monte coleções nesses aplicativos: por destino, por tema, por estação, por look, por composição… Quanto mais segmentada for a sua coleção de referências mais fácil vai ser achar quando você precisar ver uma antes de fotografar. E quanto mais fácil for, mais chance de sucesso você terá.
. Elemento principal: tente encontrar o que há naquele enquadramento que mais agrada o seu olhar. Ele será o elemento principal da foto e quanto menos houverem, melhor. Enquadramento e harmonia dos elementos, essa são palavras chaves para uma boa foto.
. Consistência: buscar um elemento físico ou estilo estético que sempre esteja presente em suas fotos também ajudam a construir o “seu olhar”. Por exemplo, uma cor sempre presente, enquadramento, foco e etc. Todas as interpretações de uma foto, revelam por trás uma escolha de quem a tirou.
. Tempo e confiança: com o tempo, você vai ganhando confiança com a fotografia, pouco a pouco essa confiança fará você chegar ao seu estilo, ao seu olhar, ao que você gosta de fotografar e o que você quer contar com aquela foto.

Casa_Vicens_Barcelona
A esquerda a referência de foto do IG @lanoiadelbarret e a direita a foto que a @nomadic.heart fez minha na Casa Vicens em Barcelona de um ângulo mais baixo e mais próximo ao objeto principal (eu). A foto pro Se Lança foi feita com um Iphone7 Plus e da referência com uma câmara reflex.

| 3. REGRA DOS 3 TERÇOS |

Essa é uma regrinha básica de fotografia que pode te ajudar bastante na hora de visualizar todos elementos que compõem sua foto e deixá-la mais harmônica.

É o famoso jogo da velha, ou aquela gradinha que dividi sua tela em 9 quadrados, sabe?
Seja uma foto horizontal ou vertical, a regra funciona da mesma maneira: o elemento principal da sua foto, tem que estar em um dos pontos de intersecção das linhas.

regra_dos_tercos_fotografia
Regra dos terços aplicada a uma foto horizontal e uma vertical. Ambas feitas no Atacama com IPhone7 Plus

Para ativar a grade no iPhone vá em Ajustes>Câmera>Grade. Feito!

No “Guia de como tirar fotos com o celular” que recomendo no final desse post há melhores dicas sobre a Regra dos 3 terços e também sobre como “quebrar a regra dos 3 terços”. Vale a pena conferir.

| 4. LUZ |

A luz é algo imprescindível para uma boa foto, ainda mais foto de celular. Quanto mais natural for a luz, maiores serão as chances de sua foto ficar lindas. Fotos feitas com celular em lugares fechados, com luz ambiente, geralmente perdem resolução, por melhor que seja a câmera do seu celular.

Então, em uma viagem anote aí essas dicas:

. Luz da manhã: uma das melhores também para fotos não sairem estouradas (muito brancas). É importante observar as sombras que incidem na foto, seja no chão ou no rosto das pessoas.
. Contra luz: se posicione contra a luz para não estourar a foto. Ou seja, posicionando a câmera no sentido contrário ao que a luz vem.
. Para fotos de mar ou rio: a melhor hora é ao meio dia, pois a luz incide na água, deixando-a mais clara.
. Golden Hour: aquela famosa foto na hora do pôr do sol, é a melhor luz para fotografar pessoas e lugares quando você quer trazer um tom mais quente a foto.
. Foto Noturna: essa é a que eu acho mais difícil e que menos me arrisco. Mas no Guia da Gaia e da Nanda (dica extra do final desse post) elas ensinam um truque bacana de como fazer uma boa foto noturna com o celular.

| 5. COMPOSIÇÃO |

O cuidado número 1 na hora de pensar na composição de uma foto: tente não cortar pés, mãos e cabeças por aí.

Outro ponto importante da composição é a paciência. Uma boa foto exige um bom nível de paciência para acertar ângulo, luz, composição dos elementos e momento ideal.

exemplo:
Quando você estiver em um ponto turístico, teste alguns ângulos do objeto fotografado. Quando achar o ângulo que mais goste, fique ali por uns minutos, esperando o momento com menor quantidade de pessoas, para diminuir possíveis distrações na foto. As pessoas precisam compor sua imagem com o objeto principal (o ponto turístico) e não competirem com ele.

Não é mandatório tirar foto dos locais vazios para que a foto fique linda, como se só estivesse você lá, isso não é real, mas foto com muitas pessoas não ajuda a trazer harmonia.

| 6. EDIÇÃO |

Aplicativos de edição, o coisa maravilhosa. Vocês já devem estar cansados de ouvir falar, mas se ainda não cansaram, vão cansar agora: Lightroom mobile, VSCO e Snapseed. Já não dá mais pra sobreviver sem.

. Lightroom: lightroom é vida. Dá pra brincar bonito, dá pra comprar ou criar seu próprio preset (filtro) o que facilita muito na hora de editar as fotos e manter um padrão de tratamento. A versão mobile é gratuita e já atende bem as necessidade de nós, fotógrafos amadores.

. VSCO: também gratuito, é mais que um aplicativo de edição de fotos, é uma comunidade de fotos inspiradoras. Há vários presets padrões do app, e há também a possibilidade de compra de outros.

. Snapseed: vou confessar que é o que eu menos uso, mas ele é bom pra quando você precisa tratar a cor de um único elemento na imagem, como por exemplo o tom de uma camiseta, a cor do cabelo, a copa de uma árvore etc.. você consegue com ele mexer apenas naquele elemento selecionado e não na imagem toda.

Lightroom_Before_Alfter
A esquerda foto original e a direita tratada com preset no Lightroom. Foto feita no Atacama com IPhone7 Plus de uma distância de uns 25m sem zoom.

| 7. DICAS MAIS TÉCNICAS |

. Sempre segure o celular com as duas mãos na hora de tirar a foto, para evitar foto tremida.
. Sempre utilize o foco manual. Clique na tela para ajustar o foco no objeto que você deseja fotografar.
. Não use o zoom pois ele deixa a foto pixelada e distorce a imagem. Você é quem deve se aproximar ou se afastar ao objeto.
. Prove usar o modo HDR (alta resolução). Esse modo tira sempre 3 fotos com diferentes níveis de exposição. Esse tipo de foto, demora alguns milésimos de segundos mais, então realmente é provar e ver se servem para o uso que você deseja.
. Experimente aumentar ou diminuir a entrada de luz na sua câmera. Para isso, toque no foco e arraste o solzinho que aparece pra baixo. Basta movê-lo para cima para aumentar a luz ou pra baixo para diminuir.

Gostou dessas dicas mais ainda quer saber mais?

Agora se você quiser virar ficar profissa mesmo na técnica de tirar lindas fotos de viagem com o celular, recomendo a leitura do guia “Como se tornar um EXPERT na fotografia com o CELULAR” da Gaia e da Nanda do blog Mala de Aventuras.

As meninas são fotógrafas profissionais, então logo de cara além do guia ter informações valiosíssimas, tem também uma enxurrada de fotos inspiração.

Mala_de_Aventuras

Nesse guia elas compartilham dicas exclusivas de como fazer os ajustes no seu celular, tipos de composição, iluminação ideal para fazer aquela foto noturna incrível e ainda um mini tutorial de como publicar e potencializar seu perfil no Instagram com suas novas fotos. Sim, todas feitas com celular 😉

Esperamos que gostem.
Qualquer dúvida escrevam pra gente aqui nos comentários.

 

~ Se Lança ~

 

01 Comment

  1. Kathleen Gladek

    Ameeeei as dicas!
    Adoro tirar fotos por onde eu vou e achei as dicas incríveis!
    Vou aplicar na minha próxima viagem.

    Amo o blog de vocês 🙂

    Responder

Deixe uma resposta