O que fazer em Lisboa: um guia rápido de cada bairro
Europa Portugal

O que fazer em Lisboa: um guia rápido de cada bairro

Pra quem já sabe onde ficar em Lisboa ou pra quem quer apenas saber o que fazer em Lisboa, esse guia rápido de cada bairro vai te ajudar a aproveitar quase tudo o que a cidade tem a oferecer.

Pra começar, compartilho com você o mapa de Lisboa com seus principais bairros, assim você já pode ter uma ideia de como a cidade se distribui.

Diferente das grandes capitais Européias onde além dos bairros, há muitos monumentos grandiosos para se visitar, em Lisboa, é nos bairros que está todo o charme da cidade.

E pra ilustrar quão charmosa é Lisboa, trago esse mapa do blog Milk With Mint:

Mapa_Lisboa_o_que_fazer_bairros

O que fazer em Lisboa: bairro Príncipe Real

Um dos bairros mais “cool chics” de Lisboa hoje em dia. Bem localizado entre o Chiado, o Largo do Rato (acesso ao metro Rato), Santos e Lapa. Para ir até o Baixa/Chiado, basta ir descendo se perdendo entre uma ruazinha e outra até chegar ao centro.

  • Tomar um solzinho no fim de tarde na Praça do Jardim do Príncipe Real.
  • Passear pelas lojinhas bacanas  que estão próximas a Praça do Jardim do Príncipe Real, como a Embaixada Concept Store.
  • Andar pelo Jardim de São Pedro de Alcantara e parar para contemplar as vistas de lisboa no miradouro.
  • Fazer uma foto bem lisboeta com o bondinho da Glória na Rua da Glória (ao lado do miradouro).
  • Pra comer: Tapisco, Cevicheria ou pros mais abastados, no Decadente.
  • Pra beber: Gin Lovers ou The Insólito (fica no rooftop do hotel The Independente).
Miradouro_São_Pedro_Alcantara_Lisboa
Por do sol no Miradouro São Pedro de Alcântara e foto no bondinho da Rua da Glória

O que fazer em Lisboa: Bairros Santos, Lapa, Estrela e Campo de Ourique

Santos, Lapa, Estrela e Campo de Ourique, são os bairros onde moram os “locais” de Lisboa. Sabe aquela lisboa cheia de casinhas com azulejos na fachada? Nesses bairros é um festival, uma seguida da outra.

Esses bairros tem muitas ladeiras, na rua você vai cruzar com vários senhorzinhos de idade subindo e descendo ladeiras com maestria, então prepara os gambitos e força!

São bairros de fácil acesso pelos bondes 25 e 28. O bonde 28 é, inclusive, a rota de bonde mais clássica de se fazer em Lisboa.

Oquefazer_Lisboa_Bonde28
O tradicionalíssimo Bondinho 28

Os bairros Lapa e Santos são beeem residenciais, mais pra quem gosta de andar e ficar vendo os prédios e as fachadas de azulejos fofos. Fora isso não há muito mais o que fazer. Então abaixo vou colocar algumas dicas do Jardim da Estrela e do Campo de Ourique, que além de serem residenciais, tem muita coisa nova legal acontecendo.

O que fazer no Jardim da Estrela:

  • Se você pegar o Bondinho 28, cole os olhinhos na janela pra ver o bairro da Estrela pelo bonde.
  • Tomar um café da manhã ou faça um brunch no Fauna&Flora, na Rua da Estrela 33.
  • Conhecer o brechó Reuse, bem na frente do Fauna&Flora.
  • Passear e admirar o prédio da Assembleia da Republica.
oquefazer_Lisboa_FaunaFlora
Quero morar nesse brunch do Fauna&Flora

O que fazer no Campo de Ourique:

  • Conhecer a Maria Granel, lojinha de produtos sustentáveis e a granel.
  • Comprar uma canga na Futah, que fabrica cangas de praia de uma qualidade muito diferente a que estamos acostumadas nas nossas praias.
  • Provar o croissant do Moço dos Croissants.
  • Fazer um brunch no Amélia, que junto com o Nicolau e o Basílio formam o trio mais doglover de Lisboa.
  • Jantar no Mercado Campo de Ourique. Esse mercado é a versão “local” do TimeOut Lisboa.
  • Conhecer a Casa Fernando Pessoa, na rua Coelho da Rocha 16. O museu está em reforma e reabrirá em Outubro de 2019.
Oquefazer_Lisboa_Campo_de_Ourique
Mercado do Campo de Ourique, ótima opção para jantar e a fofíssima entrada do restaurante café Amélia

O que fazer em Lisboa: Bairro Alto, Chiado e Cais do Sodré

Bairros onde o turismo e a balada moram ao lado. Se sua preocupação não for barulho e ruas cheias, dá pra encarar.

São os bairros mais boêmios, com bares e restaurantes mais tradicionais. O Lisboeta real oficial não vai pra lá.

O que fazer no Bairro Alto/Chiado/Baixa Chiado:

  • Tire uma foto clássica com o bondinho da Bica na rua da Bica.
  • Na rua Garret passe pela Livraria Bertrand, a livraria mais antiga do mundo em funcionamento.
  • Na mesma rua, tire uma fotinha com a estátua de Fernando Pessoa em frente ao centenário Café à Brasileira.
  • Visite a Igreja e Convento do Carmo. A igreja foi destruída no terremoto de 1755 e nunca foi restaurada. É a principal igreja gótica de Lisboa e uma viagem no tempo a céu aberto.
  • Não deixe de visitar a lojinha vintage mais linda de Lisboa, a Vida Portuguesa.
Oquefazer_Lisboa_Chiado
Foto clássica com o bondinho da Bica e ao lado o interior do Convento do Carmo.
  • Fazer uma tatuagem no El Diablo Tattoo Club ;)~
  • Caminhar pela Pink Street de dia pra tirar foto e de noite pra tomar drinks.
  • Pegar uma baladinha na Pensão do Amor que fica no número 19 da rua do Alecrim. Também há entrada pela Pink Street.
  • Comer ou tomar um café no Nicolau ou no Basílio.
  • Conhecer a marca de cosméticos lisboeta Benamôr.
Oquefazer_Lisboa_Baixa_Chiado
Caminhando pela Pink Street e ao lado, segundos antes de fazer uma nova tattoo 😉

O que fazer no Cais do Sodré/Alcântara:

  • Tomar café da manhã ou almoçar no restaurante vegano O Botanista. É maravilhoso. Juro!
  • Comer no Time Out Lisboa. Os 4 restaurantes ao fundo do mercado, são dos chefs mais famosos de Portugal. Os preços são super acessíveis. Um lugar pra ir pelo menos umas 3 vezes durante sua estadia na capital.
  • Passear e fazer uma foto bem linda na Praça do Comércio.
  • Ver um por do sol no Cais do Sodré ou no Quiosque Ribeira das Naus.
  • Ir no LX Factory, uma antiga fábrica de tecidos de 1846 que hoje se transformou em uma ilha criativa para empresários e turistas. Lojas, bares, restaurantes, espaço de co-working. Tem de tudo. Pra passear e se inspirar. Não deixe de conhecer: Organii, loja de cosméticos 100% orgânico, livraria Ler Devagar e o bar Rio Maravilha para uns drinks e pica pica. Vistas incríveis do Tejo e da ponte 25 de Abril. Vibe bem xóvem.
Oquefazer_Lisboa_CaisSodre
Duas primeiras fotos em vertical são no O Botanista – se liga nesse waffle de snickers vegano, de comer ajoelhado. E ao lado o terraço do bar Rio Maravilha e a livraria Ler Devagar no Lx Factory

O que fazer em Lisboa: bairro Alfama

Tudo o que o bairro da Alfama tem de charmoso tem também de difícil acesso. Prepare as pernas para altas ladeiras.

O que fazer na Alfama:

  • Subir até o Castelo de São Jorge. O site oficial não vende entradas online e por isso há sempre muuuita fila. A entrada custa 10 euros. Se tiver a fim de investir um pouco mais e perder menos tempo, compre online pelo Get Your Guide e ganhe ainda uma introdução de 15 minutos sobre o Castelo. Custa um pouco mais caro mas você perde menos tempo e recebe mais informações.
  • Entre na Igreja da Sé.
  • Descanse no Miradouro de Santa Luzia.
  • Passear pela famosa Feira da Ladra. Objetos novos, usados, souvenirs típicos, tem de tudo e mais um pouco. Acontece todas terças e sábados no Campo de Santa Clara, das 10h às 16h.
  • Caminhar e se perder pelas ladeiras da Alfama.
  • Tirar fotos das roupas penduradas na janela.
  • Ver um fado. O Parreirinha da Alfama é, desde os anos 50, uma referência no mundo do fado. Aberto de 3ª feira a Domingo. Ligar ou mandar email para fazer reserva.
Oquefazer_Lisboa_Alfama
Miradouro de Santa Luzia, Catedral da Sé e um lembretinho pela rua de que você está no – coração da Alfama 😉

O que fazer em Lisboa: bairro Belém

Belém é bairro das embaixadas e fica mais afastado do centro turístico de Lisboa. Ainda assim, é um bairro super turístico, já que é onde temos o famoso Pastel de Belém. E mais…

O que fazer em Belém:

  • Obviamente comer o verdadeiro pastel de Belém na Pastéis de Belém. Literal, não? A fila de Take Away é grande mais é super rápida. Sentar pra comer lá no café exigirá um bocadinho de paciência.
  • Ver por fora ou entrar no Mosteiro dos Jerónimos. Assim, óh, de verdade, acho que por fora já tá de buenas. É bonito, mas não é imperdível. Dentro está o túmulo do Fernando Pessoa. Entrada 10 euros na hora (perdendo muito tempo em fila) ou 12 euros sem fila pelo Get Your Guide.
  • Depois do Mosteiro, ir caminhando até o monumento Padrão dos Descobrimentos. Tem gente que sobe, eu não achei necessário. A entrada custa 6 euros e pode ser comprada na hora, não há muita fila.
  • Seguir caminhando até a Torre de Belém.
  • Pra almoçar: no prédio do Museu Coleção Berardo almoçar no restaurante Este Oeste, que oferece pizza, sushi e lindas vistas pro Tejo. Conhecer o museu vale super a pena também. Outra opção de almoço na região é o Queijadas de Belém.
Oquefazer_Lisboa_Belem
A torre de Belém, construída em 1514 para defesa da barra do Tejo nos relembra de um país que já foi uma potência global. A direita, o famoso pastelzinho de Belém que fica bem próximo ao Mosteiro dos Jerónimos, na última foto.

O que fazer em Lisboa: bairro Parque das Nações

O Parque das Nações é uma região super moderna e nova de Lisboa. É certo que está muiiiito longe dos principais pontos turísticos e você vai acabar perdendo muito tempo de deslocamento, porém cada vez mais, o Parque das Nações oferece mais atrações aos turistas, além de shows, feiras e shoppings.

O que fazer no Parque das Nações:

  • Aprecie as vistas do Tejo no 16.º do Sky Bar no Hotel Tivoli Oriente.
  • Conheça a loja EcologicalKids e descubra um mundo verdíssimo de fraldas reutilizáveis, toalhitas, material descartável, acessórios para a praia e brinquedos eco pros pequenos.
  • Todo sábado de manhã rola a feira Agrobio junto à Torre Vasco da Gama.
  • Veja o Parque das Nações das alturas do teleférico Telecabine Lisboa. São 30m de altura com trechos que passam por cima do Tejo, por apenas 6 euros ida e volta.
  • Visite o Oceanário de Lisboa, um dos maiores e mais visitados da Europa. Um bom programa para fazer com crianças. A entrada custa 19 euros pelo Get Your Guide.

Dicas extras que podem te salvar turistando por Lisboa:

Para se locomover pagando mais barato do que taxi use qualquer um desses apps: Kapten ou Bolt. Dentro desses apps vira e mexe rolam cupons de desconto.

Já ouviu falar em TukTuk? É um triciclo elétrico bem comum nos países asiáticos para locomoção de passageiros. Pois bem, em Lisboa, a moda pegou forte. São inúmeros oferecendo serviço de passeio turístico em TukTuk. Em uma cidade que é pura ladeira, acredito que essa moda veio pra ficar.

Se você curtir a ideia, recomendo o TukTuk da OtherWise.exp, o dono é um brasileiro gente boníssima chamado Marcelo e as motoristas são 2 chicas super gente boa também e que manjam muito da cidade.

Um passeio de tuk tuk turístico em Lisboa custa entre 70-90 euros e cabem até 6 pessoas.
Pros leitores do Se Lança consegui um desconto super bacana de 10% OFF com o Marcelinho.
É só você entrar em contato pelo Whats +351 962 954 620 e na negociação falar que viu a recomendação aqui com a gente.

Copia esse cupom de desconto aqui e manda no whats deles pra ganhar seus 10% de desconto: SELANÇANOTUKTUK

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Otherwise Experiences (@otherwise.exp) em

Mais posts que vão te ajudar a planejar sua viagem por Portugal:

O que fazer em pouco tempo em Lisboa, dicas de uma Lisboeta
O que fazer no Porto
Melhores Praias de Cascais
O que fazer em Cascais
O que fazer com 2 dias em Coimbra Portugal
Como ir de Lisboa a Sintra: aquele bate e volta imperdível
Onde ficar em Lisboa: melhores bairros e hotéis

 

~ Se Lança ~

Deixe uma resposta