Tofo, paraíso do mergulho em Moçambique
África Moçambique

Tofo, paraíso do mergulho em Moçambique

Tofo é considerado o paraíso do mergulho em Moçambique. Scuba diving e snorkeling também entram no pacote! Aqui tem muita gente bacana, comida boa, o lindo e cristalino Oceano Índico, corais, tubarões-baleias, baleias, infinitos peixes, raias gigantes, sol, areia – quer mais o quê!? Uma cerveja né? Tem também!

Eu gostei muito da vibe deste lugar, tem muito estrangeiro aqui, é impressionante. Nosso instrutor de mergulho era um australiano que já morava a 10 anos na “cidade”. Aí você para e pensa, je-suis, como o cara consegue viver a 10 anos neste vilarejo!? O cara tem que ser muito apaixonado por mergulho. E como ele tá cheio de gringo lá, impressionante. E os locais, juro que são os mais simpáticos de toda Moçambique. Ô vila boa pra conhecer.

Como se virar

Tofo é uma cidadezinha bem pequena (tipo umas 3 ruas no total), bem de praia. Muito relaxada. Não tem segredo, é só chegar junto.

Não tem opção de supermercado, mas tem as barracas vendendo coisas frescas. Se precisar de alguma coisa diferente, pode ir a Inhambane, dá uma meia hora de carro.

 estrada_para_tofo

Locomoção e como chegar

As principais duas maneiras de chegar a Tofo são de carro ou de avião. Transporte público também é possível pra quem quiser encarar. Tem ônibus diários saindo do Terminal Rodoviário da Junta em Maputo. São aproximadamente 500 km de Maputo.

De carro há quem diga que é possível fazer esse trecho em 5 horas e meia, desconfie. Tempo mais realista são 6.5 a 7 horas. A estrada é boa, só seguir pela EN1, assim que passar Lindela, vire à direita, sentido Inhambane. Cruze a cidade de Inhambane em direção a Tofo. Durante todo o trecho, cuidado com os radares móveis, principalmente nas chegadas e saídas das vilas, onde a velocidade cai para 60km/h.

Nós fomos de carro, e pra quem conhece o Juliano (maridão) sabe o quão cuidadoso ele é na estrada. No entanto, tomamos aquela multa básica em Moçambique. Sabe, onde o limite de velocidade é de 60 km/h, você passa a 70 km/h e tem um guarda ali, só te esperando =) Quem vive em Moçambique entende bem… Mas foi tranquilo, pagamos nossos 1000 meticais, pegamos o recibo e vida que segue.

Em Inhambane existe um aeroporto (INH), é possível voar para lá desde Maputo pela LAM. O vôo é curto mas o preço é alto! Do aeroporto de Inhambane para Tofo é possível ir de taxi ou organizar com seu hotel o traslado.

praia_da_barra

Onde ficar

Tem muito lugar pra ficar em Tofo, muito mesmo! Tem opções de hoteis, pousadas, albergues ou casas de temporada. Seguem algumas sugestões:

Hotel Tofo Mar – Localização TOP, pé na areia mas ao lado do centrinho da cidade. É o hotel mais chique de Tofo. Não tem erro. Foi todo reformado e reabriu em 2013, tem restaurante e bar. Também ajuda a orgazinar outras atividades como surfe, kayak, quad bike, etc. Organizam pacotes de mergulho com a Diversity Scuba.

Casa na Praia Tofo – Composta por três casas, a Casa Amarela, Casa Azul e Bangalô Africa. Hotel com pé na areia no fim da praia, mas ainda perto do centrinho da cidade, só uns 200 metros. Ideal pra quem quer um pouco mais de sossego.

Casa do Mar – Linda pousada situada acima da praia. Tem 7 quartos, alguns com vista para o mar. Os donos são entusiastas de pescaria em alto-mar e organizam excersões para seus hóspedes. Saborie o café da manhã feito pelo chef da casa, mas avise antes, não está incluso na diária.

Casa de Beija Flor – Eu fiquei aqui, é uma “casita” simples, mas confortável. Tem uma cama de casal e duas camas de solteiro. Estrutura de cozinha toda. Tem uma churrasqueira também, se quiser usar, leve o carvão. Preço justo, por volta de 65-70 USD a noite. A única desvantagem é que não é na linha de frente ao mar, mas são 10 minutinhos andando.

casa_de_beija_flor

Fatima’s Nest – para os mochileiros de plantão, este albergue tem dormitórios, espaço pra camping e chalés mais simples, todos voltados para o mar. Tem também cozinha, bar e sinuca.

Onde Comer

Tofo Tofo – comida típica, caseira e bem “comfort”. Vá de Matapa de Frutos do Mar ou Carril de Camarão.

What U Want – bar e comida italiana. Experimente o Penne com creme e carangueijo. No almoço, os sanduíches são excelentes também, feito na ciabatta. Recomendo o de Salame ou Presunto Parma, delícia.

what_u_want

Casa de Comer – fusão de comida moçambicana com francesa, promete mais do que entrega, mas tem um ambiente agradável. Boa pedida para crepes.

casa_de_comer

The Green Turtle – Restaurante franco-moçambicano na Praia da Barra, 15 mins de carro de Tofo. Simplesmente sen-sa-cional, vale a visita até aqui. Sentado de frente para o mar, comece com uma água de coco e depois passe pra um bom vinho branco sul-africano. Amêijoas de entrada e camarão empanado no prato principal. Aproveite e passe o dia na praia também, mas não vá embora muito tarde, a maré sobe e a estrada de areia fica com algumas poças de água salgada no fim do dia.

green turtle restaurant

O que fazer

Além do óbvio “esticamento no sol”, Tofo oferece muitas atividades: scuba diving, snorkeling, safaris no mar, surf, kite-surf, quad bike, pescaria em alto mar e passeios a cavalos. Abaixo as operadoras:

Mergulho, scuba, snorkeling e ocean safaris:

Liquid Adventures
Diversity Scuba
Peri Peri Divers
Tofo Scuba

Uma dica do Du (amigo e autor do blog Du, Lugares e Olhares) – que é mergulhador MESMO – é que 5 dias de mergulho seria o ideal, daria 10 mergulhos. O Hotel Tofo Mar oferece um pacote hotel + mergulho bem interessante, ótimo custo/benefício.

mergulhador na praia do tofo com arraia

Certificação e Carteira de Mergulhador PADI

Eu fiz o curso de mergulho e batismo com a Diversity Scuba, passamos 4 dias lá estudando, mergulhando na piscina e mar. Foi muito intenso, mas valeu a pena. Idealmente uma semana é melhor para fazer o curso, pois você pode estudar e descansar, mas se você não tem esse tempo, como nós não tinhámos, dá pra apertar a agenda. Nós levávamos material para estudar a noite no hotel e de manhã voltávamos pra escola já prontos pra próxima etapa.

Saímos de lá certificados para mergulhar! A carteira de mergulhador da PADI chegou alguns meses depois pelos correios.

Outras atividades

No The Surf Shack é possível alugar equipamento de surf. No restaurante What U Want, também tem pranchas de surfe para alugar.

Cavalheiros do Tofo – apesar do nome ser cavalheiros, são cavaleiros 😉 Organizam passeios a cavalo pela praia.

cavalgada_na_praia

Pescaria em alto mar com o Allen pela Sundust Fishing Charters. O passeio inclui o equipamento, isca e lanche.

Quad biking – passeio em quadriciclos – são organizados na Casa Anlija. Os passeios são pelas plantações de coco e outras trilhas na região, na praia é proibido.

Se lança…

Veja esses outros posts que podem te interessar:

Tudo sobre a Ilha de Moçambique
Maputo City Tour
Como viajar para Moçambique – Guia de Sobrevivência
10 Melhores Restaurantes de Maputo (com endereço!)
Macaneta, a praia mais próxima a Maputo
Panorama Route na África do Sul
Safari no Kruger Park, África do Sul
Onde Dormir em Nelspruit – 5 sugestões de hotéis e pousadas

 

Comentários

comments

09 Comments

  1. Dudu

    Se lança, gostei das dicas. Estou indo pra lá semana que vem. Depois passo aqui para contar.

    Obrigado

    Responder
  2. Leonardo Paiva

    Olá Se lança! Obrigado desde já por todas as dúvidas tiradas pelo facebook 😉
    Tenho uma outra pergunta…Vi em alguns blogs que quando você sai da Africa do Sul para Mocambique, sai mais barato tirar o visto na Africa do Sul do que no Brasil ? É verdade isso ? Gostaria de saber se possuem valores e se é possível tirar na Cidade do Cabo.

    Obrigado.

    Responder
    • Tati Barro

      Oi Leonardo, visto em Moçambique tem ficado um pouco chato…

      Já tirei visto moçambicano na África do Sul, pois eu residia lá, e também já fiz o visto de fronteira, custa menos de 90 USD e você faz na chegada no aeroporto. Não tenhos valores pra te passar, quando fiz na África do Sul usei um despachante.

      A regra geral é a seguinte: se você reside em um país onde tem uma Embaixada/Consulado de Moçambique, você tem que chegar no país com o visto em mãos. Se o País que você mora não tem consulado (digamos Lituânia), você pode pegar o visto de fronteira na hora.

      Que eu saiba, a Embaixada Moçambicana na África do Sul fica em Pretória e tem outros dois Consulados, um em Joanesburgo e o outro em Nelspruit.

      Minha humilde opinião, na dúvida, vá com a documentação pronta! Ficar enrolado com burocracia africana pode ser desgastante.

      Abraço!

      Responder
  3. Rebeca Pontes

    Olá!
    Gostaria de saber a época que visitou o local, li em um blog que aconteceu uma grande diminuição de peixes e quase não são votos tubarões baleia e arraias…

    Responder
    • Tati Barro

      Oi Rebeca, eu fui em setembro de 2014.
      Eu fiz o curso de mergulho lá e não vi tubarões baleias nem arraias, mas foi porque estava em treinamento e só mergulhamos em locais mais rasos de até 18 metros. Eu ouvi uma baleia debaixo do mar!
      Meu amigo foi ano passado e ele viu as arraias, mas não tubarão-baleia. Ele é expert em mergulho e foi à pontos melhores que eu!

      Responder

LEAVE A COMMENT